Exames

Punções e Biópsias

O ultrassom pode ser empregado para orientar drenagem de coleções líquidas ou punções e biópsias em vários órgãos do corpo humano como mama, tireoide, próstata, dentre outros.
Através da punção ou biópsia guiada pela ultrassonografia é possível a remoção de uma pequena quantidade de tecido da área desejada, sob anestesia local. A amostra removida durante a biópsia será analisada por um patologista, médico especializado na avaliação de células e tecidos dos órgãos para diagnosticar a doença.

Preparos

Para uma melhor qualidade de imagem, alguns exames necessitam preparo do paciente. Cada exame de ultrassonografia, requer um preparo diferente e, no momento do agendamento do seu exame, a atendente lhe informará o preparo adequado. Caso prefira, abaixo para temos as informações sobre os preparos de cada exame.

– Ultrassonografia de Abdome Total (Jejum de 8h e Bexiga Cheia);

– Ultrassonografia de Abdome Total com Doppler (Jejum de 8h, Bexiga Cheia + Luftal 24h antes
de 6h/6h conforme bula);

– Ultrassonografia de Abdome Superior (Jejum de 8h);

– Ultrassonografia do Aparelho Urinário (Jejum de 8h e Bexiga Cheia);

– Ultrassonografia Obstétrica (Trazer carteira de gestante);

– Ultrassonografia Obstétrica 1° Trimestre (Realizar entre 12a semana e 13a semana e seis dias);

– Ultrassonografia Obstétrica 2° Trimestre (Realizar entre 22a semana e 23a semana e seis dias);

Ultrassonografia Obstétrica Transluscência Nucal (Realizar entre 12a semana e 13a semana e
seis dias)

– Ultrassonografia de Mamas (Não usar desodorante na região das mamas e axila);

– Ultrassonografia de Próstata via Abdominal (Bexiga Cheia);

– Ultrassonografia de Próstata via Transretal (Bexiga Cheia);

– Ultrassonografia de Pelve/Ginecológica (Bexiga Cheia);

– Ultrassonografia Pélvica Transvaginal (Bexiga Cheia);

– Ultrassonografia de Artérias Renais (Jejum de 12h + Luftal 24h antes de 6h/6h conforme bula);

Ultrassonografia Obstétrica

A ultrassonografia obstétrica é um exame de grande importância para a sua saúde e do seu filho(a) e deve ser realizado sempre que indicada pelo médico ginecologista e obstetra.

Ultrassonografia obstétrica transvaginal
Realizada no início da gestação (em geral até 12 semanas), tendo como principal papel confirmar e datar a gestação, o número de bebês e o local de implantação do saco gestacional.

Ultrassonografia morfológica do primeiro trimestre
Este exame permite avaliar a anatomia do seu bebê nesta idade gestacional (entre 11 semanas e 13 semanas e 6 dias de gestação), bem como realizar o rastreio de possíveis malformações e alterações cromossômicas como, por exemplo, a Síndrome de Down. Este é o exame onde medimos a translucência nucal, dentre outros marcadores importantes.

Ultrassonografia morfológica do segundo semestre
Este exame é realizado entre a 20a e 24a semana de gestação. Também é um importante método para avaliação da anatomia do bebê, com análise detalhada dos órgãos fetais, apresentando uma sensibilidade para detecção de malformações fetais em torno de 85%.

Ultrassonografia obstétrica
Exame que permite a avaliação da posição do bebê, batimentos cardíacos, peso fetal, aspecto da placenta e a quantidade de líquido amniótico. Importante para avaliação de como está o crescimento do seu bebê.

Ultrassonografia obstétrica com Doppler colorido
Este exame permite a análise das artérias uterinas maternas e da artéria umbilical e cerebral do feto, com objetivo de se descartar sofrimento fetal intrauterino ou risco aumentado para pré-eclâmpsia e restrição de crescimento fetal. Deve ser realizado sob indicação médica.

Ultrassom Obstétrico em 3D e 4D
Este exame permite melhor definição da anatomia externa do bebê como, por exemplo, a visualização do seu rostinho!

Ultrassonografia Vascular (Doppler)

Trata-se de um exame não invasivo (sem injeções ou contrastes) feito com um aparelho de ultrassom equipado com a tecnologia Doppler que detecta e demonstra o fluxo sanguíneo no interior das veias e artérias. Pode ser realizado em qualquer parte do corpo e serve para avaliar o fluxo sanguíneo, pesquisando eventuais obstruções ou dilatações dos vasos. Permite a avaliação de trombose venosa ou mesmo mapeamento de varizes das pernas, planejamento de fístulas para diálise e avaliação das artérias carótidas, vertebrais, renais, dentre outras. Pode ser empregado também na gravidez para a análise do fluxo sanguíneo materno-fetal.

Doppler venoso dos membros inferiores
Exame realizado desde a região inguinal até o tornozelo, podendo ser realizado com o paciente em pé ou deitado. Importante para mapeamento de varizes e pesquisa de trombose venosa. Não é necessário jejum.

Doppler arterial dos membros inferiores
Exame realizado nas mesmas regiões do exame venoso descrito acima, porém, serve para estudar as artérias avaliando o fluxo sanguíneo e suas eventuais obstruções por placas de aterosclerose. Não é necessário jejum.

Doppler de Carótidas
Este exame avalia o fluxo sanguíneo nas artérias carótidas, localizadas no pescoço e que levam sangue do coração para o cérebro. Com ele podemos estimar o risco de acidente vascular cerebral isquêmico (AVC ou “derrame”). Não é necessário jejum.

Doppler de artérias renais
Exame realizado no abdome para avaliação da vascularização renal, medindo a sua velocidade de fluxo e resistência. Pode ser utilizado para pesquisa de uma possível causa de pressão alta (hipertensão arterial). É necessário preparo adequado.

Ultrassonografia Geral

A ultrassonografia é um método de imagem que permite examinar diversas áreas do corpo
como os órgãos do abdômen, sistema musculoesquelético (músculos e tendões), tireoide, glândulas salivares, mamas, assim como avaliação cerebral em recém-nascidos e crianças de até um ano de idade.

É um método de diagnóstico por imagem rápido e indolor, baseado na emissão e na captação de ondas sonoras e sem efeitos colaterais prejudiciais à saúde do paciente. Por essas características, o ultrassom pode ser realizado em pacientes delicados, como crianças e
idosos, bem como em pacientes portadores de necessidades especiais.

Essa modalidade de exame também pode ser empregada para orientar drenagem de coleções líquidas ou punções e biópsias em vários órgãos do corpo humano como mama, tireoide, próstata, entre outros.